terça-feira, 5 de julho de 2016

Jogando em Hortolândia, Talentos 10 perde invencibilidade mas segue líder da chave na Taça Paulista


zagueiro do Talentos em lance de ligação direta
Foto: Alan Oliveira/Talentos 10 FC

Após empatar em casa com a tradicional equipe do Jaboticabal em 0 a 0, o time do Talentos 10 voltou a campo na tarde do sábado (02/07) para jogar diante do Raça, às 15:00 no estádio Tico Breda, na cidade de Hortolândia pela rodada cinco da Taça Paulista 2016.

Com uma partida cheia de peculiaridades, os bauruenses migrados em Barra Bonita até que tiveram um bom desempenho, mas acabaram por serem derrotados por 2 a 1 para o time mandante.

A começar pela ausência do treinador Pedro Júnior (que pediu seu desligamento da equipe na última quinta-feira), o Talentos foi comandado à beira do campo pelo seu Coordenador Técnico e Administrativo, Giorge Leonardo, que realizou tal função de maneira inédita em sua carreira.

O jogo

O "professor" Giorge optou por manter a base que já vinha atuando desde o início do campeonato e pouco mexeu na estrutura da equipe. Porém, na primeira etapa de bola rolando, o treinador interino teve de substituir o meio-campista ofensivo Felipe, por contusão.

Mesmo sem se intimidar, os bauruenses jogaram por superar tais adversidades e "foram pra cima" do time do Raça, procurando jogar de maneira igualitária mesmo fora de seus domínios.

Quando vivia um bom momento na partida, o Talentos 10 foi surpreendido e viu os mandantes abrirem o marcador aos 15 minutos em jogada iniciada em cobrança de escanteio.

Contudo, enquanto o adversário ainda estava por comemorar o gol marcado, Alisson, em belo gol, empatou a partida para o Talentos e levou o resultado de 1 a 1 para o intervalo.

No segundo tempo, o time visitante atuou de maneira mais cautelosa; já que um empate fora de casa não seria de todo ruim. 

Em um outro bom momento que vivia na partida, controlando inclusive a ofensividade dos donos da casa, o goleiro Diego falhou e o Talentos sofreu seu segundo gol. Diego viria ainda a ser expulso no final do confronto após revide a agressão de um atleta adversário. Ambos foram expulsos.

Como todas as substituições já haviam sido realizadas por Giorge, coube ao meia Alisson fazer a vez de goleiro e fechar a meta de sua equipe nos últimos lances. Final, 2 a 1 Raça.

Com esta derrota, o Talentos 10 perdeu sua invencibilidade e permaneceu com oito pontos ganhos; mantendo-se na liderança da chave 3 com dois pontos de frente do vice-líder Independente de Mogi Guaçu. O Raça, que venceu a primeira, foi a cinco e aparece no 4º lugar.

A próxima partida da equipe bauruense será somente no dia 23 deste mês (sábado), diante do Bebedouro SC na cidade de Bebedouro, às 15:00, pela rodada de número oito da primeira fase da Taça Paulista. Jogo este que servirá para recuperar ou ratificar a posição de número um.

Nenhum comentário:

Postar um comentário