domingo, 11 de junho de 2017

Independência goleia Nacional e amplia vantagem na liderança da primeirona

Por Juliano Gomes
Nacional faz bom início de partida mas não vita derrota diante do líder
Foto: Juliano Gomes / Tá na rede Bauru

Independência impôs ritmo forte desde o início da partida controlando o jogo do início ao final sem chances de reação do adversário.



Jogando a partida de fundo no estádio Silvio de Magalhães Padilha, na Vila Giunta, Independência e Nacional fizeram o clássico da rodada em partida válida pela décima rodada da primeira divisão da Liga Bauruense com arbitragem de Milton Porto.

Logo aos três minutos o Independência levou perigo a meta do Galo após contra-golpe veloz, Willian arremata de pé direito, Elton defende a queima-roupas evitando a abertura do marcador.

A persistência do Indepa surtiu efeito aos seis minutos, após o árbitro Milton Porto assinalar pênalti que Willian bate colocado a meia altura no canto esquerdo deslocando Elton e abrindo o marcador.

Sem tempo pra comemorar, o Independência chegou ao segundo gol aos nove minutos em cobrança de falta do lateral-esquerdo Léo que bateu direto pelo lado direito do campo, a bola viajou direto e entrou no ângulo direito de Elton.

Meio de campo do Independência vem sendo peça chave na campanha do elenco
Foto: Juliano Gomes / Tá na rede Bauru
Imponente, o Gigante ampliou a contagem aos 14 minutos, o Indepa aumentou o marcador novamente com Willian após receber ótimo passe da direita e escorar pro fundo do gol.

Aos 20 minutos, mais um golpe da equipe do Independência com João Vitor, recebendo passe primordial, ficandi de frente com Elton e tocando por cima na saída do arqueiro fazendo o quarto gol da partida.

Ainda atordoado com o placar repentino, o Nacional, aos vinte e quatro minutos, o Nacional esboça reação em cobrança de falta com Matheus, obrigando Helder a espalmar a bola que já tinha endereço certo.

Na segunda etapa, o Nacional chegou com perigo a meta do Independência em cobrança de falta com Rato, batendo de trivela, obrigando Helder a espalmar a bola, no ângulo esquerdo, jogando para escanteio aos dezenove minutos da etapa final. O placar seguiu inalterado até o término do confronto.

Com a vitória, o Independência se distanciou na liderança da competição chegando a 28 pontos enquanto o Naça permaneceu com 11 pontos, deixando o G8.

Nenhum comentário:

Postar um comentário