sábado, 15 de julho de 2017

Vice-líder, Santa Cândida surpreende em campanha na elite da Liga Bauruense

Por Juliano Gomes
Elenco do Santa Cândida em partida no estádio José Spetic Filho
Foto: Santa Candida FC

Tricolor da Zona Oeste da cidade acumula sete partidas sem derrota na disputa da elite da LBFA e já registra melhor marca em sua curta jornada na elite do futebol amador bauruense.


Na disputa da competição municipal pela primeira vez em 2013, o Candão logo conquistou o acesso a divisão de elite no dia 28/9 após derrotar o Eldorado FC pelo placar de 2 a 1 com gols de Romarinho e Natchá no estádio José Spetic Filho, na Vila Dutra e chegar dentre as principais equipes da Liga Bauruense.

Na decisão da segunda divisão de 2013 o Santa Cândida enfrentou o Complexo Mary Dota em duas partidas no estádio municipal Luiz Edmundo Coube, no Jardim Araruna, sendo derrotado no jogo de ida pelo placar de 2 a 0 no dia 2/11 e no jogo da volta em 9/11 o placar se repetiu com o tona Leste ficando com o título da segunda divisão daquele ano.

No ano e 2014, o Candão chegou até a terceira fase onde ficou no grupo E ao lado do Comercial, Nacional e Complexo Mary Dota, porém a má campanha no grupo culminou na eliminação da equipe que ficou na lanterna com uma vitória e duas derrotas.

Já no ano seguinte em 2015 a campanha foi melhor para o Santa Cândida, que na classificação geral final, ficou com a oitava colocação somando 34 pontos ao longo da competição ficando de fora das semifinais.

Em 2016 a campanha do Candão foi surpreendente, quando a equipe registou sua melhor marca até então desde a chegada na elite ficando com a sexta colocação geral ao término do campeonato.


Agora em 2017, o Santa Cândida vem realizando brilhante campanha na elite e até o presente momento ocupa a vice-liderança do certame com 28 pontos, um a mais que o terceiro colocado Complexo Mary Dota e nove a menos que o líder disparado Independência.

Contando com 11 atletas de fora da cidade, sendo eles Alan Rocha, Charles, Rafinha e Nega da cidade de Balbinos; Papa-léguas, Elivelto, Ju, Cauê, Maleta da cidade de Reginópolis e da cidade de Uru, Rafael e Cebinho.

Somado todos os atletas, o elenco do Santa Cândida chega a 17 jogadores, e para o lateral-esquerdo Alan Rocha, o setor defensivo vem fazendo grande trabalho e sendo um dos fatores primordiais para essa campanha e hoje na competição possui a segunda melhor defesa com apenas 9 gols sofridos. "O Candão vem investindo em jogadores de fora e está endo resultado. Para e falar, de Bauru mesmo só o Marcos lateral-direito e o Thiago Oreia zagueiro, o resto é tudo de fora", salientou o jogador.

"Esses jogadores eram todos do Parque das Nações do ano passado, só não era o Thiago Oreia que está jogando de titular. O restante éramos todos do Parque das Nações". acrescentou.

Perguntado sobre o fato de ser todos de fora e atuarem juntos vem fazendo o diferencial da equipe, o lateral disse: "Com certeza, pois aqui na região s onze jogadores sempre estão jogando juntos nos campeonatos daqui da nossa região. E nesse ano, o Candão está fazendo história pois eles nunca chegaram nessa situação aí de vice colocado do amador, acabando o primeiro turno na segunda colocação e é uma coisa inédita pra eles", finalizou.

O diretor da equipe Fernando também avaliou a campanha da equipe. "A gente vem gastando bastante e nossa campanha está boa, não posso dizer que está ótima porque tivemos tropeço, em questão de alguns times, não desmerecendo nenhuma equipe, mas teve alguns times que a gente poderia ter saído com a vitória e não conseguimos, até por desfalque de cartões amarelo e vermelho, mas graças a Deus estamos em segundo colocado, poderia até estar em primeiro, eu acredito nisso" comentou o diretor que acrescentou: "A gente tem um elenco muito bom, lógico que precisa de algumas peças pro segundo turno que é difícil até a hora que começar o mata-mata, a gente tem uma diretoria muito boa, mas eu creio que graças a Deus os diretores vem ajudando legal, os patrocinadores. Somos muito unidos, todos os domingos estamos fazendo churrasco, música ao vivo, trucada até tarde e é muito bacana. Esse ano estamos com uma bela campanha graças a todos os jogadores, até os que estão no banco, desde o que ajuda pouquinho e todos estão fazendo sua parte" finalizou o diretor.

Para o presidente e técnico da equipe, Lucie, a regularidade do time é baseada na formação que se estende ao longo da competição. "O que vem acontecendo com o time aí, a regularidade do time é o time que a gente começou, que entrou em campo na primeira rodada, é o que está até agora, a gente muda pouco o time. Tivemos duas expulsões no campeonato, o time vai pra treze rodadas que está jogando junto, a gente não muda e os caras estão entrosados, os caras estão querendo vencer, entram em campo como se fosse o último jogo, se fosse o título, respeitando todos os adversários e o time está focado em chegar entre os quatro, chegar até na final, o time está focado nisso aí. A gente respeita todos os adversários, a gente entra em campo respeitando todos os adversários mesmo, e jogando bola, a gente só quer jogar bola e é isso aí" ponderou o mandatário Tricolor.

Até a data de hoje, o Candão conquistou em treze rodadas oito vitórias, quatro empates e apenas uma derrota e segue na segunda colocação com 28 pontos, 26 gols pró e 9 gols contra, sendo o terceiro melhor ataque e a segunda melhor defesa da competição.

O próximo compromisso do Santa Cândida na disputa da primeira divisão da Liga Bauruense ocorre na manhã desse domingo (16) as 10h10 no estádio Toninho Guerreiro, no Núcleo Mary Dota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário