Em reunião na SEMEL, Javalis Rugby saem otimistas quanto a apoio do município

Postado em 01 de abril de 2014, terça-feira, às 21:20

Foto: Edielson Pereira/TNRB

Na tarde desta terça-feira (01/04) jogadores da equipe do Javalis Rugby Bauru se reuniram na Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEMEL) com o diretor de Esportes, Mauricio Nascimento, para verificarem uma possibilidade de apoio vindo do município.

Quem esteve presente também foi o vereador Fabiano Mariano (PDT), membro da Comissão de Esportes da Câmara Municipal de Bauru e responsável por viabilizar a reunião da equipe com o secretariado.

Já representando o time, estiveram os jogadores Ricardo, Dhiego Brandão (capitão) e Johnny Assumpção Guelfi (presidente).

Os itens citados pelos jogadores no qual precisam de ajuda foram os uniformes e equipamentos para a prática da modalidade, ajuda no pagamento das taxas de inscrição dos campeonatos que disputam e seu respectivo transporte.

Johnny ressaltou que atualmente todos os custos envolventes, como viagens, pedágios e taxas são pagos por conta: "Pagamos cerca de R$ 200,00 para disputar cada etapa da LOPaR, R$ 1.000,00 para o Campeonato Paulista e mais R$ 1.500,00 para torneios na capital. Com exceção à LOPaR, os demais campeonatos não disputamos como representantes de Bauru, uma vez que somos convidados por outras cidades para representá-las.".

Dhiego também destacou o crescimento da modalidade no Brasil e de que o Interior de São Paulo, especialmente Bauru precisa de apoio para disputar campeonatos não centralizados e ganhar notoriedade: "Hoje no Brasil, há cerca de 60 mil praticantes de Rugby. O esporte realmente está em ascensão. Nós precisamos de apoio para jogar campeonatos fora da nossa região para mostrar que somos competitivos tanto quanto os praticantes da capital. Aqui no Interior, há jogadores que com certeza podem servir a Seleção Brasileira, mas para que isso aconteça, eles precisam nos conhecer e saber de nossa existência. A diferença entre as equipes daqui com as de lá, é que na capital os clubes têm estrutura.".

Por outro lado, Mauricio explicou toda a dificuldade financeira encontrada pela Secretaria de Bauru, que dispõe de aproximadamente R$ 16 mil mensais para investimentos no esporte local, além da extensa fila de espera para locação de ônibus/vans por demais modalidades. Contudo, com relação a ajuda no transporte e pagamento das taxas referentes às competições, especialmente das etapas da LOPaR e do Campeonato Paulista, deixou a entender a possibilidade de concretização.

Já o custeio dos uniformes e dos equipamentos necessários para a prática do esporte, Mauricio solicitou por parte do Javalis três orçamentos diferentes, em um documento que deverá ser timbrado, carimbado, assinado além de constar também o CNPJ da equipe, para que internamente possam dar andamento nos procedimentos necessários de aquisição.

A equipe se prontificou a entregá-los até a próxima semana. 

Outra solicitação feita pelos jogadores foi da instalação de uma trave específica do Rugby, para a disputa dos Jogos Abertos no final do ano aqui em Bauru. Mauricio se dispôs a verificar e deu até mesmo a possibilidade da construção de uma.

No final deste mês, a equipe disputará nos dias 26 e 27 a segunda etapa da Liga do Oeste Paulista de Rugby, que será na cidade de Garça. No decorrer do ano, o time também disputará, além dos Jogos Abertos do Interior, os Jogos Regionais na cidade de Lins e possivelmente mais duas competições no Estado do Mato Grosso do Sul e Minas Gerais.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.