PESQUISE

Goleiros se destacam, seguram pressão e garantem empate de Ouro Verde e Petrópolis na rodada de estreia da primeira divisão


Atleta do Ouro Verde fazendo marcação no adversário
Foto: Edielson Pereira/TNRB
Ouro Verde e Petrópolis fizeram as suas estreias na primeira divisão da Liga Bauruense de Futebol Amador na manhã do domingo (20/03) às 08:10 no distrital Nelson Reginato do Canto.

As equipes começaram frias, porém aos poucos foram melhorando seus rendimentos, criando oportunidades e a partida ficou parelha, pegada até o final, mas ninguém conseguiu balançar a rede.

No primeiro tempo de jogo, apesar do Ouro Verde deter no maior período do tempo a posse de bola, o Petrópolis era quem finalizava com mais perigo.

Aos 32 minutos, Daniel recebeu na ponta esquerda da área, limpou a marcação e bateu de bico no canto direito de Rafael e acertou a trave.

Seis minutos depois o mesmo Daniel perdeu boa oportunidade de gol ao finalizar sobre o travessão de Rafael, após falta cobrada pelo lado esquerdo.

O Ouro Verde então respondeu aos 40 minutos com o centroavante Marcos, que gingou sobre a marcação dentro da área, passou pelo marcador e bateu cruzado de pé direito e a bola cruzou toda a extensão do gol saindo pela linha de fundo.

No segundo tempo, o Ouro Verde tomou a dianteira e foi melhor ao criar mais oportunidades. Logo aos seis minutos, Vi fez uma linda jogada individual, limpou dois maradores no mesmo lance e de fora da área bateu de pé esquerdo no canto de Caio. A bola saiu rente à trave esquerda do goleiro em direção a linha de fundo.

Lance em disputa de bola no meio-campo
Foto: Edielson Pereira/TNRB

Aos 12, novamente Vi voltou a levar perigo para a meta do Petrópolis. O camisa sete cobrou falta de muito longe pela direita do meio-campo e obrigou o goleiro Caio a executar grande defesa, ao pular e espalmar de mão trocada a bola que ia em direção ao ângulo direito do gol.

Com 24 jogados, Fabio, do Petrópolis, aproveitou sobra de bola na entrada da grande área e bateu forte no alto obrigando Rafael a saltar e espalmar a bola por cima do gol.

O último lance de perigo real de gol pertenceu ao time ouro-verdense. Aos 31 Maicon arriscou chute da intermediária no canto esquerdo e Caio fez grande defesa após a bola quicar em sua frente e espalmou para escanteio.

Apesar das boas oportunidades criadas por ambas as equipes nos dois tempos da partida, os goleiros executaram bem os seus respectivos papéis e asseguraram o primeiro empate dos seus times na primeirona de 2016.

Com um ponto cada, ambos dividem a 8ª posição da classificação geral e a 3ª colocação do grupo A e 6ª do grupo B, para Ouro Verde e Petrópolis respectivamente.

Na rodada seguinte, o Petrópolis voltará a campo para enfrentar o Tibiriçá às 08:10 no distrital Toninho Guerreiro, e o Ouro Verde jogará diante do Vitória no distrital José Carlos Galvão de Moura, no mesmo horário.

Escalações:

AC Ouro Verde: 1 - Rafael, 2 - Cleber, 3 - Beiço, 4 - Tom, 5 - Beca, 6 - Rodrigo, 7 - Vi, 8 - Diego, 9 - Marcos, 10 - Di, 11 - Maicon. Técnico: Mauricio Junior.

Petrópolis FC/Ipiranga: 1 - Caio, 2 - Fernando, 3 - Jean, 4 - Diego, 5 - Alef, 6 - Lincoln, 7 - Daniel, 8 - Enis, 9 - Weverton Tupã, 10 - Palito, 11 - Jorge. Técnico: Alfredo.

Árbitro: Paulo Rossi
Assistente 1: José Nogueira
Assistente 2: Eduardo Cunha
Representante: Edna Nunes


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.