PESQUISE

São Domingos derrota Águia e chega a decisão da Golden Master

São Domingos e Parquinho estarão frente-a-frente em mais uma decisão
Foto: Juliano G. Pereira

Realizando a partida de fundo do Padilhão, São Domingos e Águia entraram em campo em situações opostas, já que  no confronto de ida das semi-finais, o alvi-rubro do Jardim Godoy derrotou os comandados de Pé na Cova pelo placar de 2 a 0 e precisavam de apenas um empate pra chegar a mais uma decisão.


O Águia por sua vez demonstrou muita personalidade e vontade de vencer, se tornando a surpresa da competição ao chegar forte na reta final superando equipes como Geisel, Leônico e Independência.

Com um primeiro tempo equilibrado, São Domingos e Águia buscavam o melhor momento de atacar e trocavam passes no centro de campo, debaixo de forte calor apresentado na tarde desse sábado 15/10 com a arbitragem de Paulo Henrique de Almeida, auxiliado por Élcio Floriano e José Rubens, supervisionados por José Garcia.

Após um primeiro período de equilíbrio, ambas equipes voltaram do intervalo mais decididas a buscar o gol, já que para chegar a decisão, o Águia teria de vencer seu adversário no tempo normal e nas penalidades, o São Domingos, necessitava apenas de um empate para chegar em mais uma decisão.

Aos 25 minutos da etapa complementar do jogo, Léo em belo passe deixa Claudinho cara a cara com Luis Fernando e dispara um balaço no ângulo esquerdo do arqueiro do Águia, abrindo o marcador para o São Domingos e aumentando a vantagem sobre o adversário.

Após o gol o Águia se lançou ao ataque em busca do gol de empate e consequentemente da virada, mas esbarrava na forte marcação da dupla de zaga do São Domingos, impedindo os ataques e auxiliando na neutralização das jogadas ofensivas e segurando o resultado até o término do jogo.

Com a vitória o são domingos chega a sua quinta decisão, ficando em segundo lugar nos anos de 2009, 2010, 2011 e 2013 e conquistando o título de 2015 sobre o Leônico.

Na decisão o São Domingo reencontrará o Parquinho, reeditando as finais de 2009, 2011 e 2013 com a oportunidade de quebrar esse tabu de nunca ter vencido o adversário em uma final.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.