Além dos Números #16 - UNIÃO CONTAGIANTE!

Sempre costumo dizer que o sofrimento une um grupo de seres humanos. Seja eles em âmbito esportivo ou corporativo e sofrimento  foi o que o Gocil/Bauru Basket passou nas ultimas semanas. Uma derrota inaceitável contra o Paulistano, lesões de jogadores importantes como Alex, Leo Meindl, Leo Eltink e Gui Santos. 

Além da comoção natural por todo o ocorrido com o avião que levava a delegação da Chapecoense e companheiros de imprensa que fariam o jogo entre Atlético Nacional e Chapecoense.

Tudo parecia conspirar negativamente, mas essa foi a semana que podemos nomear como a "semana da reviravolta". Duas grandes vitórias contra Vasco (82x58) e Caxias (82x64). A margem de vantagem obviamente impressiona, mas é importante destacar a maneira com que foram conquistadas essas vitorias. 
Muita pegada defensiva e desgarrando no placar no inicio das partidas. Um fato que foi muito importante para rodar os garotos que estavam como opção no banco de reservas. Jau, Henrique, Stefano e Maicão foram muito bem e mostraram que podem ter outras oportunidades. 

Homenagem da equipe bauruense na partida contra o Vasco às vitimas de Chapecó
Foto: Reprodução Internet

Gege, Gui Deodato, Jefferson e Shilton mantiveram uma boa regularidade, Hettsheimeir foi o grande destaque da vitorias contra o Vasco e conquistou outro duplo-duplo contra o Caxias, entretanto hoje gostaria de falar especialmente sobre Valtinho: Não te como não se contagiar quando você vê o espirito de luta de um jogador como o Valtinho jogando 33,35 minutos e entrando pra disputar todos os rebotes, defendendo jogadores de grande volume ofensivo e conseguindo roubadas de bola. 

Os números podem não ser tão expressivos, porem a evolução do camisa 9 é notória e também fruto do que sempre pedimos aqui. Um jogador que lhe ajude a armar o jogo e divide essa responsabilidade de ser o grande condutor de bola do time faz toda a diferença. 

Os próximos jogos do Dragão da Sem Limites serão apenas nos próximos dias 15 (Vitoria em Salvador) e 17 (Basquete Cearense em Fortaleza) tempo que pode ser suficiente pra recuperação de alguns jogadores que estão no departamento médico. 

O caso que mais preocupa é o de Gui Santos que realizara amanha exame pra constatar qual foi a lesão sofrida na ultima terça contra o Vasco.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.