n':

PUBLICIDADE

domingo, 29 de outubro de 2017

Vôlei Bauru segue sem vencer fora de casa na Superliga

Por Juliano Gomes
Paula Pequeno foi a segunda maior pontuadora diante de sua ex-equipe
Foto: Fernando Godoy / Esportes Brasília

Equipe bauruense sofre segunda derrota fora de seus domínios diante da equipe do Brasília e agora se prepara para encarar  Sesi novamente fora de casa.

O duelo foi válido pela terceira rodada e o Vôlei Bauru foi até o Distrito Federal encarar o Brasília no reencontro de Paula Pequeno com sua ex-equipe e o placar foi desfavorável embora parelho com a vitória nos dois primeiro sets da equipe candanga, dois sets para as bauruenses e no tie break o Brasília ficou com o triunfo.

Agora a equipe bauruense se concentra para encarar o Sesi em Santo André no dia 2 de novembro em partida que será válida pela quarta rodada da competição nacional.

O jogo

O Vôlei Bauru iniciou a partida com a seguinte formação: Ju Carrijo, Paula Pequeno, Dayse, Palacio, Andressa Picussa, Valquiria e Shara Venegas. O duelo começou truncado, com ambas equipes trocando pontuação, porém a equipe de Brasília apresentou uma melhora e abriu três pontos de vantagem, 14 a 11. Mesmo o Vôlei Bauru igualando o marcador, os erros não permitiram que o time de Fernando Bonatto alavancasse no set mesmo ficando por algum momento a frente do placar. O Brasília por sua vez, procurou errar menos e tornou abrir três pontos de vantagem, ganhando tranquilidade para fechar o set em 25 a 22.

O segundo set teve um início melhor da equipe bauruense que mesmo saindo em desvantagem de três pontos, virou o placar e fez 6 a 4 em boa passagem de Ju Carrijo e dois bloqueios consecutivos. Mais eficiente no duelo a equipe bauruense ampliou o marcador para quatro pontos fazendo 16 a 12. Dentro do seus domínios e diante de sua torcida, o Brasília buscou a vantagem, irou a diferença e passou a dominar novamente o duelo e o Vôlei Bauru errar duas vezes possibilitando o Brasília de fechar o set em 26 a 24.

Palacio ao lado de Paula Pequeno foi uma das maiores pontuadoras no duelo
Foto: Fernando Godoy / Esportes Brasília

O terceiro e quarto set da equipe bauruense foi sem dúvida os melhores na partida, com bom início, abrindo boa vantagem, o suficiente para administrar e conduzir a partida vencendo com total tranquilidade e entrando de vez na disputa pela segunda vitória no certame nacional, principalmente no quarto set em que a equipe de Fernando Bonatto venceu por 25 a 10.

No tie break o Brasília inicia melhor fazendo 4 a 1 forçando parada técnica bauruense e no reinicio, o Vôlei Bauru se recupera empatando a partida, porém erros fazem o Brasília abrir dois pontos de vantagem e mesmo a equipe de Bauru trocar pontos, empatar novamente o duelo em 10 pontos e trocando posições no marcador até o Brasília, com mais eficiência fechar a parcial em 17 a 15 e o jogo em 3 a 2.

Para a central Angélica, a equipe não fez uma boa exibição. “Mesmo tendo melhorado no terceiro e quarto sets, precisamos apresentar melhor desempenho. Fica o alerta para a gente. Mas pelo menos a equipe conseguiu reagir, o que é importante, e essa é só a terceira rodada ainda. A força do grupo é sempre importante e melhorando o volume do jogo nosso jogo saiu um pouco e o final do jogo foi detalhe”, disse a atleta em entrevista à TVC Bauru.

Já o técnico Fernando Bonatto considerou que o time demorou demais a encaixar o jogo. “Não pode ser só no terceiro set, precisa ser mais organizado antes. Temos boa organização e quando conseguimos colocar isso em prática o jogo fica mais tranquilo e cria mais oportunidades. Mas no quinto set voltamos a cometer os erros dos primeiros dois sets. Precisa ter paciência para decidir o set, os pontos, independentemente se são no 0 a 0 ou no 14 a 14, saber o que está acontecendo do outro lado. Pecamos nos erros em relação a isso”, analisou o treinador em entrevista à TVC Bauru.

Nenhum comentário:

Postar um comentário