n':

PUBLICIDADE

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

No Tie Break Vôlei Bauru é superado pelo Hinode/Barueri na Superliga

Redação TNRB
Dayse em lance de ataque contra o Hinode/Barueri no Ginásio Panela de Pressão
Foto: Neide Carlos / Vôlei Bauru

Equipe bauruense foi derrotada por 3 sets a 2 e agora terá mais três partidas em casa para se reabilitar


O Vôlei Bauru lutou muito, mas foi superado pelo Hinode/Barueri por 3 sets a 2 (parciais de 25/22, 20/25, 20/25, 25/18 e 12/15) neste sábado, no Ginásio Panela de Pressão, em duelo válido pela nona rodada da Superliga 2017/2018. Com o resultado, a equipe bauruense permanece na nona colocação com 9 pontos conquistados após duas vitórias e sete derrotas.

O Vôlei Bauru prosseguirá tendo a chance de se reabilitar em casa na competição, pois fará no Panela de Pressão os últimos dois jogos do primeiro turno, que sofreram mudanças de datas, horários e até local, e também o primeiro duelo do segundo turno da competição. O time bauruense enfrentará o Renata Valinhos/Country no dia 3 de dezembro, às 13h, partida prevista inicialmente para ocorrer em Valinhos (SP), mas que teve o mando invertido. Na sequência, terá pela frente o São Cristóvão Saúde/São Caetano no dia 10 de dezembro, às 13h, no encerramento do turno inicial. Por fim, já em duelo válido pela primeira rodada do segundo turno, em 19 de dezembro, às 19h30, o desafio do Vôlei Bauru será o Pinheiros.

Desta forma, caso não haja novas mudanças, a equipe bauruense só voltará a fazer uma partida fora de seus domínios diante do Fluminense em 22 de dezembro, às 20h, no Ginásio da Hebraica, no Rio de Janeiro (RJ). Nesta data será realizada a última rodada deste ano da Superliga 2017/2018, que fará um recesso para a realização das festividades de Natal e Ano Novo e retorna com a terceira rodada do segundo turno em 9 de janeiro de 2018, quando o Vôlei Bauru enfrentará o BRB/Brasília Vôlei, no Ginásio Panela de Pressão, às 19h30.

O jogo

O Vôlei Bauru iniciou o jogo com Juma, Dayse, Palacio, Helô, Andressa, Valquiria e Shara Venegas. No primeiro set o Vôlei Bauru começou à frente tendo ótimo aproveitamento no ataque e, com defesa e contra-ataque eficientes, abriu 6 a 3. Com atuação consistente em todos os fundamentos, o time bauruense amplia a vantagem para quatro pontos no 17/13 e ganha tranquilidade para fechar a parcial em 25 a 22 em 27 minutos.

Palacio vibra após pontuar diante da equipe de Barueri observada pela adversária
Foto: Neide Carlos / Vôlei Bauru

No segundo set, o time bauruense não começa bem e o Hinode/Barueri se aproveita, abre 4 a 0 e Fernando Bonatto para o jogo. No retorno o Vôlei Bauru sofre com erros no ataque e recepção e permite ao rival ampliar a vantagem para seis pontos no 8/2 e Bonatto pede tempo novamente. Após estar perdendo por 22/16, o time bauruense corta a vantagem do Hinode/Barueri para apenas três pontos no 23/20 e José Roberto Guimarães pede tempo.  O Hinode/Barueri chega ao set point e encerra a parcial em 25/20 após 26 minutos.

O terceiro set começa bastante equilibrado até o Hinode/Barueri conseguir abrir quatro pontos à frente no 13/9. O time mantém a vantagem até o 17/13, quando Fernando Bonatto para o jogo. No retorno o Hinode/Barueri consegue quebrar o passe bauruense e amplia a vantagem para seis pontos no 19/13. O Vôlei Bauru volta a reduzir para quatro pontos no 19/15 e desta vez é José Roberto Guimarães quem pede tempo. No retorno o Hinode/Barueri volta a aumentar para seis pontos chegando aos 23/17 se aproveitando das dificuldades com a recepção do Vôlei Bauru. O Hinode/Barueri chega ao set point com ataque de Edinara e fecha a parcial em 25/20 após 28 minutos.

O quarto set, assim como o terceiro, também começa equilibrado até o Hinode/Barueri abrir vantagem no 8/5 e Fernando Bonatto pedir tempo. No retorno o time bauruense empata no 10/10 e o Hinode/Barueri para o jogo. O duelo segue ponto a ponto e o Vôlei Bauru passa à frente no 15/14 com bloqueio de Ariane e abre três de vantagem – 19/16 – com ace de Palacio no saque e bloqueio de Ariane. Com saque agressivo e bloqueio eficiente, o time bauruense abre sete pontos no 23/16 e fecha a parcial em 25 a 18 em 24 minutos.

Ponteira Palacio foi a maior pontuadora da equipe no duelo pela Superliga
Foto: Neide Carlos / Vôlei Bauru

No quinto set, o Hinode/Barueri abre 5/2 e Fernando Bonatto para o jogo. No reinício o time bauruense encosta no 5/4 em boa passagem no saque de Ariane, mas o Hinode/Barueri amplia a vantagem para três pontos no 10/7 com bloqueio de Fê Isis. Na reta final o Vôlei Bauru encosta no 12/11 e empata em 12/12 com largada de Andressa, mas o Hinode/Barueri, com bloqueio de Jaqueline, chega ao match point e fecha a parcial na sequência em 15/12 e o jogo em 3 a 2.

As maiores pontuadoras no duelo contra o Hinode/Barueri foram a ponteira Palacio, com 23 pontos, a oposta Ariane, com 16, a central Andressa, com 13, e a oposta Helô, com 12. Para o técnico Fernando Bonatto, apesar do resultado, o time mostrou evolução ao longo do duelo contra um dos principais times da competição. “Fazer um jogo desse com uma equipe do nível do Hinode/Barueri é bom. Pena que não conseguimos a vitória. Mas é continuar trabalhando e pensar jogo a jogo”, destacou o técnico do Vôlei Bauru, Fernando Bonatto.

Texto: Marcelo Ferrzoli / Vôlei Bauru

Nenhum comentário:

Postar um comentário