n':

domingo, 10 de dezembro de 2017

Complexo derrota Nacional com propriedade e vai a decisão. Nos pênaltis, Vitória fica com a segunda vaga

Por Juliano Gomes
Complexo Mary Dota construiu a vantagem ainda no primeiro tempo da partida
Foto: Juliano Gomes / Tá na rede Bauru

Partidas decisivas marcaram a manhã desse domingo, 10, na disputa das semifinais da primeira divisão da Liga Bauruense de Futebol Amador, com destaque para o eletrizante duelo entre Nacional e Complexo Mary Dota.


Quatro agremiações que fizeram jus por estarem na semifinal da competição, porém o duelo do Estádio Silvio de Magalhães Padilha chamou a atenção por colocar frente a frente as equipe do Complexo Mary Dota FC e Nacional AC, que fizeram sem dúvidas um dos melhores embates na fase decisiva, principalmente na reta final do duelo.

O jogo

Durante a primeira etapa do confronto o Complexo Mary Dota se aproveitou de falhas do sistema defensivo da equipe do Nacional e abriu ampla vantagem ao fazer três a zero, com gols de Giovani aos 8', Leo aos 28' e aos 43' Leo recebeu um "presentão" da zaga e marcou o terceiro do rubro-negro.

Na segunda etapa, o Complexo passou a cadenciar a partida e em momentos, arriscar descidas ofensivas, sem objetividade na finalização desperdiçando chances de ampliar a vantagem.

Amauri, com a bola, recebeu forte marcação durante o duelo diante do Nacional
Foto: Juliano Gomes / Tá na rede Bauru

Persistente, o Nacional chegou ao primeiro gol, após cobrança de escanteio, e o volante Azambuja tentar desvio e jogar contra a própria meta aos 26 minutos.

Em nova cobrança de escanteio, a zaga do Complexo vacila, Cipó sobe mais que a marcação e cabeceia firme, para cocar o Naça novamente na partida aos  41 minutos.

Na ânsia pelo terceiro gol, o Nacional se lançou ao ataque e acabou castigado após o meia VH fazer ótima jogada individual pela direita do campo de de ataque depois de uma ligação direta entre o goleiro e o sistema ofensivo, invadir a grande área e tocar na saída do arqueiro do Galo sacramentando a vitória e a vaga na decisão. 

Horácio Alves Cunha

No duelo do Estádio do Bela Vista, as equipes do Vitória e Ouro Verde empataram sem gols, levando a decisão para a disputa de pênaltis. 

Jogadores do Vitória e Ouro Verde posicionados para as cobranças de pênaltis
Foto: Divulgação

Nas cobranças, a equipe do Ouro Verde desperdiçou duas cobranças, defendidas pelo arqueiro André e convertendo mais três cobranças enquanto a equipe do Vitória, converteu quatro cobranças,  desperdiçando apenas uma batida, garantindo a classificação do Leão à final, para encarar a forte equipe do Complexo Mary Dota no próximo domingo,17, as 9h no Estádio Alfredo de Castilho decidindo o titulo de campeão da primeira divisão da Liga Bauruense de Futebol Amador.


Nenhum comentário:

Postar um comentário