n':

PUBLICIDADE

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Noroeste encara Portuguesa Santista com missão de quebrar a invencibilidade da Briosa

Por Juliano Gomes
Jogadores em preleção com o técnico Alberto Félix no Alfredo de Castilho
Foto: Bruno Freitas / ECN

Noroeste viaja a Santos em busca da vitória diante da Briosa que não conhece derrota na érie A3 de 2018.


Vindo de empate em um gol diante do São Carlos jogando fora de casa no último sábado pelo Paulista da A3, o Noreoste agora terá a dura missão de parar a Briosa. A Portuguesa Santista que ainda não perdeu no Estadual divide a liderança com o Atibaia, ficando em segundo lugar por possuir uma vitória á menos, somando 26 pontos.

O Noroeste, na quarta colocação com 22 pontos, terá em campo o recém contratado Jorge Mauá, que foi liberado para atuar na competição depois de constar o nome no BID da CBF, ficando a disposição do técnico Alberto Félix. Um fator que pode ajudar a equipe, é o bom retrospecto do centroavante em Santos, já que marcou gols em todas as vezes que encarou a Portuguesa e espera repetir o feito caso seja utilizado pelo treinador. 

Jorge Mauá (de branco) em partida pelo Noroeste contra o Linense em 2017
Foto: Bruno Freitas / ECN

Além do bom retrospecto o centroavante faz alerta para as dificuldades que é jogar no estádio Ulrico Mursa pelo fato do campo ser pequeno e pela pressão da torcida durante toda a partida. "Primeiramente gostaria de dizer que estou muito feliz por estar vestindo a camisa do Noroeste.  Minha expectativa é muito boa, por ter sido relacionado para esse jogo e ficar a disposição do professor Alberto. Todos os jogos que joguei contra a Portuguesa Santista sempre foram jogos muito duros, porque o estádio é pequeno e a torcida pressiona o tempo todo. Mas eu gosto desses jogos e, graças a Deus, todas as vezes que enfrentei eles no Ulrico Mursa eu marquei gols. Se tiver a oportunidade de jogar, vou tentar ajudar a equipe com o que sei fazer de melhor. O Noroeste está bem representado com grandes atacantes, e isso só quem ganha é o Norusca. Porque a qualidade dos meus companheiros é indiscutível. Deixo um recado ao torcedor: vou dar o meu máximo para ver o Noroeste na A2, porque um time com a grandeza do Norusca, não pode ficar na A3 de forma alguma", comentou Jorge Mauá.

O Noroeste sabe o que encontrará lá em Santos, mas de acordo com o comandante alvirrubro, o grupo está muito focado para o duelo e acredita na volta à Bauru com os três pontos. "Vamos encarar um adversário forte, qualificado e muito bem montado, que faz uma boa campanha no campeonato. Treinamos situações de jogo onde podemos criar oportunidades de gol. Será um jogo onde não podemos errar. Tenho total confiança na qualidade dos nossos jogadores e podemos sair de lá sim com os três pontos", disse o treinador, por meio da assessoria de imprensa do clube.

Noroeste e Portuguesa Santista se enfrentarão na noite dessa quarta-feira, as 20h no estádio Ulrico Mursa em Santos e está sendo encarado pelo elenco, diretoria e comissão técnica o duelo mais difícil dessa Série A3 pelo fato do adversário ter facilidade em penetrar na área, criando diversas chances de arremate aumentando a probabilidade gol.


Nenhum comentário:

Postar um comentário