n':

PUBLICIDADE

sábado, 10 de fevereiro de 2018

Noroeste encara Rio Branco em busca de reabilitação

Por Juliano Gomes
Wellington reencontrá ex-equipe e deve ser uma das principais armas noroestina
Foto: Bruno Freitas / EC Noroeste

Após derrotas no dois últimos confrontos para Barretos e Atibaia, o EC Noroeste vai a Santa Bárbara do Oeste enfrentar a equipe do Rio Branco no encerramento da rodada em busca do reencontro com as vitórias no Campeonato Paulista A3.


O duelo fora de casa diante do Rio Branco de Americana poderá ser favorável para a equipe do técnico Tuca Guimarães já que o confronto será em campo neutro, no estádio Antônio Lins Ribeiro Guimarães em Santa Bárbara na manhã desse domingo, 11, as 10h.

As equipes se encontram em situações opostas, uma vez que coincidentemente ambas se enfrentaram na A3 do ano passado nessa mesma rodada e fase e na ocasião, o Rio Branco venceu o confronto por 2 a 1, o que foi um divisor de águas na competição.

Com a vitória na época, o Rio Branco poassou a integrar o G8 e tinha em campo o atacante Wellington, que hoje defende o alvirrubro. Pelo lado noroestino, permanesceram no grupo o goleiro Airon, o volante Maicon Douglas e o zagueiro Vitor Gava que se recupera de cirurgia. Os gols do confronto fora marcados por Diego e Vitor Gava (contra) e Gabriel Barcos em favor do Norusca.
O Noroeste então passou, com a derrota do confronto, a ocupar a perigosa zona da degola,  onde permaneceu até o último confronto escapando diante do Mone Azul, o que culminou a queda do Comercial de Ribeirão Preto.

Em situações opostas nessa edição de Campeonato Paulista, o Noroeste busca se reencontrar com as vitórias e se manter no grupo dos que se classificam para a segunda fase, já o Rio Branco, ocupa a zona de rebaixamento, mas precisamente na antepenúltima colocação com 4 pontos somados, já o Noroeste está em quinto lugar com 13 pontos.

Os treinos para esse confronto, a exemplo dos anteriores, foram com portões fechados e a escalação da equipe que entrar´pa em campo só será divulgada momento antes da partida. Para o treinador da equipe bauruense, esse duelo será muito importante para a equipe voltar ao bom momento e garante uma nova postura em campo. "Na maior parte da competição a nossa equipe se comportou muito bem. O que a gente passou para os atletas foi muita tranquilidade e convicção no que a gente está fazendo. A gente sabe como essa equipe do Noroeste foi montada e para quê ela foi montada. E a resposta neste domingo vai vir. Tenho certeza que vamos fazer um grande jogo", disse o treinador, por meio da assessoria de imprensa do clube.

Para o zagueiro Jean Pierre, as derrotas não podem abalar o elenco que teve uma ótima sequência no início do campeonato. "Nas cinco primeiras partidas nós fizemos bons resultados. Não podemos deixar essas duas últimas rodadas nos abalar. Temos totais condições de apresentar novamente o mesmo futebol do início do campeonato e vencer", comenta.

Mesmo sabendo das dificuldades, o elenco noroestino acredita no resultado positivo e espera, dessa vez apagar a desconfiança do torcedor e sair com resultado favorável desse confronto. "Estamos vindo de dois resultados que não estávamos esperando, principalmente dentro de casa, contra o Atibaia. Não vai ter jogo fácil nessa Série A3. Sabíamos que é normal ter deslizes, tropeços, mas não podemos deixar isso nos abalar. Estamos preparados. Vamos fazer duas partidas fora  e temos que somar o máximo de pontos possíveis para seguir brigando pela parte de cima da tabela, disse o jogador.

O Rio Branco vai a campo comando pelo técnico interino André Ricardo Pereira, o Andrezão, já que o treinador Edson Fio que iniciou no comando da equipe acabou demitido na última quinta-feira, 8, após derrota da equipe para o São Carlos fora de casa por 2 a 1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário