n':

PUBLICIDADE

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Torcida marca presença e Noroeste vence Marília com gol de Alef

Por Juliano Gomes
Wellingon disputa jogada com Israel do Marília na vitória alvirrubra pela A3
Foto: Bruno Freitas / ECN

Jogador saiu do banco de reservas para brilhar e garantir o triunfo alvirrubro no clássico diante do arqui-rival Marília e agravar mais a situação do rival.


Um primeiro tempo muito movimentado, cheio de oportunidades para abrir o marcador em favor do Noroeste, mas a ansiedade e falta de pontaria atrapalhavam o ataque de acertar a meta defendida por Gilson que durante todo o primeiro tempo precisou trabalhar nas chegadas noroestina.

Por outro lado, a segunda etapa, o Noroeste não era o mesmo, encontrava dificuldades em armar as jogadas e possibilitando investidas do Marília que esboçava reagir mas ineficiência ofensiva facilitava a recomposição defensiva da equipe bauruense.

O jogo

Logo no primeiro minuto o Noroeste deu boas-vindas ao MAC em cobrança de falta pelo lado esquerdo do campo de ataque próximo a grande área em batida de Leandro Oliveira que carimbou a trave direita do goleiro Gilson.

O Noroeste voltou a pressionar o Marília aos 4 minutos após cobrança de escanteio, com o zagueiro Marcelinho subindo mais que a marcação e cabeceando a bola que passou rente a trave direita  maqueana.

A equipe noroestina se manteve presente no campo de ataque a todo momento, sufocando a saída de bola adversária e chegando com facilidade à meta do Marília, em lance perigo com Vilson.

Aos 41 minutos, o Noroeste teve a melhor chance da etapa inicial, após Vilson receber lançamento pelo lado direito, dominar dentro da grande área e ser puxado pela camisa sofrendo pênalti. Na cobrança, Leandro Oliveira bateu mu, a meia altura no canto direito e Gilson faz a defesa evitando a abertura do placar.

O início do segundo período não foi o mesmo, com a equipe do Noroeste dando mais espaço para os visitantes chegar por diversas vezes mas sem perigo para a meta de Ferreira.

Torcida marcou presença n as arquibancadas e foi o décimo segundo jogador
Foto: Bruno Freitas / ECN

O Noroeste promoveu duas alterações entrando na equipe o centroavante Romão e o atacante Alef nos lugares de Leandro Oliveira e Alex Silva respectivamente.  A princípio a equipe bauruense parecia não ter encontrado a melhor forma de jogar e vazar a defesa alvi-celeste até Alef fazer jogada individual, invadir a grande área e tocar por cima de Gilson aos 27 minutos abrindo o marcador.

No lance seguinte aos 29, o Noroeste quase ampliou o marcador novamente com Alef que em jogada individual se livrou de dois marcadores dentro da área e bateu rasteiro no canto direito do goleiro Gilson que se esticou para espalmar e no rebote Wellington finaliza pra fora.

Em cobrança de falta aos 35 minutos, o centroavante Romão bateu com perigo de pé esquerdo e a bola passou rente ao travessão levando perigo a defesa maqueana.

Coma viória encaminhada, o técnico Alberto Félix promoveu a entrada do volante André Rocha para recompor o setor de meio-campo e liberando o meia Vilson para voltar a apoiar o ataque. O duelo se estendeu até os 47 minutos quando o árbitro encerrou a partida.

Festa das arquibancadas

Se em campo as coisas não aconteceram como o planejado embora a vitória tenha acontecido, a promessa de uma linda festa nas arquibancadas do Alfredão foi cumprida. Com faixas e bexigas nas cores vermelha e branca, os torcedores que foram mais de 5.000 presente, cantaram durante os noventa minutos motivando a equipe e se quer dando chance para qualquer cântico dos pouco mais de 50 torcedores que vieram de Marília (100Km de Bauru) acompanhar a derrota da equipe no clássico.

Mesmo com a vitória o Noroeste se manteve na quarta posição da classificação geral com 21 pontos, o Marília permaneceu na décima sexta colocação com os mesmos 11 pontos conquistados.

O Noroeste volta a campo no próximo sábado, as 16h quando enfrenta o São Carlos (sétimo colocado com 18 pontos), no estádio Luís Augusto de Oliveira em São Carlos pela décima segunda rodada. O MAC recebe o Atibaia no Abreuzão as 19 do sábado.

Ficha técnica:

EC Noroeste 1x0 Marília AC
Estádio Alfredo de Castilho - Bauru
Gol: Alef - 27 / 2º T
Cartões Amarelo: Israel (MAC)
Árbitro: Kleber Canto dos Santos
Assistentes: Fernando Afonso Gonçalves de Melo e Gilberto Aparecido Romachelli
Público: 4.919
Renda: R$ 87.230,00

Noroeste: 1-Ferreira; 2-Pacheco, 3-Marcelo Augusto, 4-Marcelinho e 6-Lucas Hipólito; 5-Maicon Douglas, 7-Alex Silva (16-Alef), 8-Gindre (André Rocha) e 10-Leandro Oliveira (18-Romão); 9-Wellington e 11-Vilson; Técnico: Alberto Félix.

Marília: 1-Gilson; 2-Israel, 4-Zé Roberto, 5-Rafael Fefo e 6-Bahia; 3-Pablo, 7-Mateus Alexandre (13-Rafael), 8-Marquinhos e 10-Alisson; 9-Adilson (Jefferson) e 11-Luan (16-Dú Gaia); Técnico: Luis Carlos Ferreira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário