n':

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Revelação do Noroeste, Johny retorna de empréstimo do Inter (RS)

Redação TNRB
Atacante em atuação pelo EC Noroeste está de volta para a Copa Paulista
Foto: Bruno Freitas / EC Noroeste

Atacante é o jogador mais jovem da história a vestir a camisa centenária do Norusca, pelo profissional, e jogar em partidas oficiais.


O atacante Johny, 18 anos, considerado uma revelação do Esporte Clube Noroeste, assim como o meia Rafinha e o lateral-esquerdo Rael (ambos vendidos para o Corinthians), volta ao clube após empréstimo de um ano no Internacional de Porto Alegre. Com aval do técnico Betão Alcântara, o jogador se apresentará para a pré-temporada no dia 15 de junho. O jogador cravou seu nome na história centenária do Noroeste ao ser oficialmente o jogador mais jovem a jogar profissionalmente pelo clube, com 16 anos, sete meses e 12 dias.

Profissionalizado pelo Noroeste e com contrato até 31 de dezembro de 2019, Johny havia sido emprestado no ano passado ao Internacional de Porto Alegre (RS), para ganhar experiência e ser vitrine.

Irmão do jogador Matheus Aiás, que joga no Valência da Espanha, Johny Marcos Barrozo Rodrigues, é natural de Palmares Paulista (SP), município vizinho de Catanduva, tem 1,76m de altura, é rápido, habilidoso, com bom passe e tem qualidade no individual 1 contra 1. 

FEZ HISTÓRIA

Ele chegou a Bauru em 2016, quando disputou o Campeonato Paulista sub-17 pelo Norusca, com 15 anos.  Aos 16, entrou para história do clube quando pisou em campo no segundo tempo na estreia do Noroeste pela Série A3 de 2017. Na vitória por 1 a 0 contra o São Carlos, no Alfredão, dia 20 de janeiro, sob comando do então técnico Marcelo Sangaletti, Johny se tornou o jogador mais jovem a defender o Alvirrubro no time profissional em jogo oficial.

Ele enfrentou, ainda, entrando no segundo tempo, a Internacional de Limeira, Independente de Limeira e Comercial de Ribeirão Preto. A precocidade de Johny transpõe o Alvirrubro e a cidade de Bauru. O atleta também foi o mais jovem a entrar em campo em todas as competições do Paulistão 2017, Séries A1, A2 e A3. Johny ainda foi relacionado para as partidas contra Flamengo de Guarulhos, Desportivo Brasil, Atibaia, Comercial, Matonense e Catanduvense. Depois se lesionou.

Segundo o renomado historiador bauruense Luciano Dias Pires, de 91 anos, uma das referências históricas de Bauru e editor do jornal Bauru Ilustrado, suplemento mensal do JC, o jogador que mais se aproximou da idade de Johny foi Zeola, que jogou pelo profissional do Noroeste antes de ir para a Itália, aos 17 anos.

O jornalista lembra ainda que Pelé, aos 14 anos, fez três jogos-treinos e marcou 5 gols pelo Noroeste, como meia-direita do time profissional, mas não era partida oficial. Depois, antes de assinar contrato pelo time bauruense, Pelé foi levado pelo pai Dondinho ao Santos, onde se tornou o Rei do Futebol.

Fonte: EC Noroeste


Nenhum comentário:

Postar um comentário