n':

PUBLICIDADE

terça-feira, 17 de julho de 2018

PV, Pimenta, Ademir e Maranhão serão peças importantes na defesa do Noroeste

Redação TNRB
A partir da esq. "PV", Igor Pimenta, Ademir e Rogério Marnhão confirmados no clube
Foto: Bruno Freitas / ECN

Clube apresentou oficialmente dois novos volantes que já trabalharam com o técnico Betão Alcântara, confirmou presença de mais um remanescente da Série A3 e fechou o quadro de zagueiros para a Copa Paulista 2018.


O Noroeste confirmou, na noite desta quarta-feira (17), quatro novos nomes do elenco que serão fundamentais no setor de proteção da defesa e na transição do meio ao ataque. São eles o polivalente zagueiro Pedro Vitor, o "PV", ex-Internacional de Porto Alegre e ex-Resende (RJ), os volantes Ademir, ex-Capivariano, e Rogério Maranhão, atual campeão da Série A3 com o técnico Betão Alcântara no Atibaia, e o volante-meia Igor Pimenta, remanescente da última Copa Paulista e Série A3 defendendo o Norusca, que agradou o treinador e será novamente um jogador importante no grupo. Todos atletas possuem elevada estatura para suas posições.

CAMPEÃO E DE CONFIANÇA DO TREINADOR

O volante Rogério Maranhão é um jogador da confiança do técnico. O Noroeste é o terceiro clube no qual trabalham juntos. Natural de São Luis (MA), 28 anos, destro, 1,80m de altura, Rogério Maranhão foi formado na base do Moto Club, de São Luis. Depois ele jogou com destaque no Sampaio Correia, entre outras times daquele estado. Depois veio para São Paulo, onde atuou na Série A1 e A2 pelo São Caetano. Jogou também na União Barbarense. A partir daí começou a "Era Betão" na carreira de Rogério Maranhão. Ele conheceu o treinador em 2016, quando foi jogar no Olímpia na disputa da Série A3 de 2017. Por lá, apresentando um futebol de marcação forte e com saída rápida para o ataque, com bom passe, atuando como segundo volante, Rogério Maranhão ganhou a confiança do treinador e sempre atuou como titular. Para a temporada seguinte, Rogério Maranhão foi contratado pelo Atibaia assim que Betão assumiu a equipe. E ambos conquistaram o acesso e o título da divisão. 
"Expectativa é a melhor possível. Conheço o estilo de jogo do Betão e ele tem confiança no meu trabalho. Nos conhecemos muito bem e queremos conquistar novamente grandes resultados aqui no Noroeste", comentou o jogador.

PERMANECE AGRADANDO

O volante-meia Igor Pimenta recebeu aval do técnico Betão Alcântara para seguir no clube e o treinador deverá utilizá-lo com frequência. Canhoto, 23 anos, alto para a posição, com seus 1,87m de altura, o atleta começou na reserva na Série A3 e aos poucos foi conquistando vaga no time. Atleta de grande envergadura, mas, ao mesmo tempo, com muita qualidade no passe. O jogador tem facilidade para marcar e atacar, atuando de segundo volante ou meia-esquerda, aberto no extremo do campo. Natural de Belo Horizonte (BH), Igor Pimenta começou na base do América Mineiro, mas foi revelado profissionalmente pelo Vila Nova (GO). Ele chegou ao Noroeste há um ano, para a Copa Paulista de 2017, vindo de boa campanha no Módulo 2 Mineiro, pelo Tupynambás. Optando por ter apenas um lateral-esquerdo no elenco que disputará a Copa Paulista, Alex Cazumba, o Igor Pimenta é um jogador que poderá tranquilamente atuar como lateral, caso haja alguma necessidade.

CONHECE A DIVISÃO

O volante Ademir, 25 anos, 1,85 de altura, ex-Capivariano, é um jogador que conhece a divisão, experiência muito solicitada pela torcida. Ele chamou a atenção do próprio Noroeste e de outros clubes após um destacado desempenho nas duas últimas Série A3. Natural de Mirassol (SP), foi formada na base do próprio clube da cidade, mas acabou sendo profissionalizado pelo Londrina (SC). Jogou com o técnico Betão Alcântara no acesso do Fernandópolis, em 2015, mesmo ano em que o Norusca retornou à Série A3. Ademir teve uma grande participação também na Matonense, em 2016 e 2017. Ademir é um jogador que consegue trabalhar muito bem a marcação um contra um, é roubador de bola e tem qualidade no passe que chamou a atenção do Alvirrubro. Ele também pode atuar de zagueiro e realiza muito bem essa função. "Sou um jogador que vem para somar. Busco ser muito solidário dentro de campo. Corro por mim, pelos meus companheiros e pelo clube. Vamos fazer uma boa Copa Paulista para chegar forte na Série A3 do ano que vem", disse o jogador, otimista em voltar a trabalhar com Betão e de vestir a camisa noroestina.

ZAGUEIRO POLIVALENTE

O Noroeste fecha o quadro de zagueiros com o anúncio de Pedro Vitor, 25 anos, 1,88m de altura, ex-jogador do Resende, onde atuou no futebol Carioca em 2018. Apelidado de "PV", o jogador é natural de Vitória (BA), mas cresceu em Araraquara. Foi formada na base da Ferroviária e conquistou o acesso do time da Série A3 para a A2 em 2010. Em 2011 foi emprestado para o Internacional de Porto Alegre, que obteve seu passe em 2012. Jogou pelo Colorado até 2015. Por lá, foi bicampeão do Gauchão, bicampeão da Copa da Federação Gaúcha e campeão brasileiro sub-20 em 2013. Em 2015, de volta a São Paulo, foi campeão da Copa Paulista com o Linense. Em 2016, outra vez no Rio Grande do Sul, atuou na elite do estadual pelo Glória de Vacaria. PV jogou ainda a Série A2 do Paulista e a Copa Paulista pelo Penapolense, em 2017, onde de se transferir para o Rio.

"Minha expectativa no Noroeste é de fazer um grande trabalho e juntamente com meus companheiros conquistarmos a classificação na primeira fase e consequentemente darmos passos importantes na competição", disse PV. De acordo com o clube, PV é um jogador aguerrido, com qualidade na bola aérea e no passe. PV chama a atenção pelo fato de poder atuar no meio-campo e também na lateral. Na A2 de 2017 ele atuou como volante em 9 jogos do Penapolense e marcou dois gols. Além dele, a zaga noroestina conta com Jean Pierre, Junior Campos, Lucas Oliveira e Vitor Gava, lesionado.

Fonte: EC Noroeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário