n':

PUBLICIDADE

sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Com time pronto para a estreia, Noroeste apresenta novo uniforme para disputa da Copa Paulista.

Por Juliano Gomes
Goleiro Cairo, meio-campista Ademir e atacante Gabriel Esteves com novo uniforme
Foto: Bruno Freitas / ECN

Alvirrubro está pronto para estrear nesse sábado, 4, diante do Rio Claro fora de casa pela Copa Paulista. Novo uniforme foi apresentado pela diretoria.


Depois do empate sem gols contra o Penapolense no estádio Alfredo de Castilho pelo último este antes da estreia, o Noroeste está pronto e completo para encarar o Rio Claro nesse sábado, as 15h no estádio Augusto Schimidt em Rio Claro.

Esse será o ponta pé inicial na caminhada noroestina rumo ao acesso na próxima temporada do estadual, já que a Copa será de alicerce para a equipe que foi projetada para brigar por uma das duas vagas no próximo ano.

Na Copa Paulista, será a 15ª participação alvirrubra que soma 2 títulos (2005 e 2012). Ao longo do torneio, foram 223 jogos, com 84 vitórias, 70 empates e 69 derrotas e nessa edição, o clube bauruense encontra-se no grupo 2 ao lado do Rio Claro, Desportivo Brasil, Ferroviária de Araraquara, Inter de Limeira, RB Brasil e XV de Piracicaba.

Novo uniforme

Para a disputa da copinha, o Noroeste terá novo uniforme, que contará com a Agrovale como patrocinadora máster da equipe que tem a companhia da Estre Ambiental, também na parte frontal da camiseta. O clube informa que ainda que as camisetas de jogo não se encontram disponíveis para venda aos torcedores

Sequência no comando

Betão Alcântara chegou ao comando do Norusca, visando a permanência no cargo por um período mais extenso, já que nesse mesmo tempo (12 meses), o Noroeste teve o comando de quatro diferentes treinadores, sendo Vitor Hugo, Tuca Guimarães, Marcelo Santos (interino) e Alberto Félix.

Técnico Betão Alcântara ganha respaldo da diretoria para desenvoltura do trabalho
Fonte: Bruno Freitas / ECN

Já Betão, vê a necessidade de dar sequência no trabalho que está sendo iniciado, para que o clube possa chegar aos objetivos planejados. “A partir do momento que você tem um tempo maior de trabalho as chances para as coisas darem certo é muito maior. Se você fica trocando o treinador, os jogadores acabam sentindo a insegurança na direção do clube e isso é prejudicial demais. Quando o atleta sente que o treinador está dando o tempo necessário para eles desenvolverem o seu melhor futebol, os resultados aparecem. Futebol mostra que nenhum treinador muda uma equipe do dia pra noite. E aqui no Noroeste tivemos o respaldo para iniciar o trabalho na Copa Paulista e visando também o acesso da A3 para a A2 no ano que vem”, destacou o treinador do Norusca.

A voz da experiência

Quatro lideranças do time também comentaram sobre o jogo de estreia, o centroavante Daniel Bueno, que tem a missão e a expectativa de fazer o Noroeste voltar a produzir um 9 goleador, o volante Alê, que é um dos mais experientes em competições de elite, e o zagueiro Jean Pierre, remanescente do elenco e que traz uma avaliação sobre as duas últimas competições do Noroeste.

Segundo Daniel, nutre nele o forte desejo de balançar a rede já neste sábado. “Minha posição (centroavante) é muito cobrada e eu sei dessa responsabilidade. Trago minha experiência, minha bagagem no futebol, tanto dentro quanto fora do País, mas preciso da ajuda dos companheiros com aquele último passe, de a bola chegar. Não vou projetar números, mas dedicação não vai faltar, nunca, nem minha e nem dos meus companheiros”, destaca.

Para o volante Alê, a pré-temporada do Noroeste foi determinante para dar confiança ao elenco. “Tivemos uma preparação muito boa, e fato disso é que não tivemos desfalques. Agora cabe a nós colocarmos isso dentro de campo. Fizemos muitos trabalhos de marcação e finalização e o Betão deixou isso muito bem frisado pra gente. Estreia é diferente, mais tenso, mas agora é ter tranquilidade e colocar em prática tudo o que foi treinado”, avalia.

Zagueiro Jean Pierre é uma das lideranças alvirrubra dentro de campo
Foto: Bruno Freitas / ECN

O zagueiro Jean Pierre, que sempre deixa a sua marca de defensor artilheiro, titular em seu terceiro campeonato consecutivo pelo Alvirrubro, tem a experiência do que não deu certo na última Copa Paulista e da evolução do clube em campo na Série A3 deste ano. “Resumindo tudo, nos falta aqui no Noroeste o título. Falta a conquista final. Esse é o objetivo daqui pra frente. A expectativa é fazer diferente. Eu, por exemplo, tenho um ano de Noroeste e nestas próximas temporadas eu quero título”, finaliza o jogador.

O goleiro Cairo destacou a força do torcedor do Norusca, que sempre faz diferença. "Estou feliz em vestir essa camisa, de um time de história, de torcida. Espero que o torcedor continue nos prestigiando, assim como sempre acompanhei. Tenho certeza que os noroestinos estarão com a gente lá em Rio Claro e vamos, juntos, em busca da vitória", finaliza o goleiro.

"Estamos preparados"

Betão Alcântara também falou sobre a expectativa para a estreia contra o Rio Claro. “A nossa preparação foi muito boa, então a nossa expectativa é elevada. Eu sei da responsabilidade de comandar um time como o Noroeste e sabemos que a cobrança vai ser grande, não só no meu trabalho, mas também dos jogadores. E todos estamos cientes disso. Tenho certeza que vamos fazer um grande campeonato. Estamos preparados”, afirma Betão.

Ingressos

Para as partidas do Noroeste em Bauru, os ingressos custarão R$ 30,00 na bilheteria do clube, porém a diretoria revela que á exemplo da temporada passada, o clube disponibilizará promoções de meia-entrada nos pontos de vendas que serão divulgados pelo clube.

Nenhum comentário:

Postar um comentário