n':

PUBLICIDADE

sábado, 13 de outubro de 2018

Sem oferecer riscos, Bauru é derrotado pelo Pinheiros na estreia do NBB

Por Edielson Pereira
Betinho (Pinheiros) com marcação de Fúlvio e Enzo Ruiz (Bauru)
Foto: Divulgação LNB

Jogando na capital paulista, equipe comandada por Demétrius Ferracciú não consegue desenvolver proposta de jogo e perde por onze pontos para os donos da casa. Equipe agora vira as atenções para estreia na Liga Sul-Americana.



Fazendo sua estreia na temporada 2018/19 do Novo Basquete Brasil, a Associação Bauru Basketball Team foi até a cidade de São Paulo para enfrentar o Pinheiros na noite deste sábado (13/10) no ginásio poliesportivo Henrique Villaboim.

Pelo placar de 92 x 81 o time bauruense foi superado pelos comandados do treinador César Máximo Guidetti e foi o único visitante do dia a sofrer revés.

Esta foi a primeira partida que a equipe bauruense fez após a eliminação sofrida no último sábado pelo Franca na semifinal do Campeonato Paulista. Foi a quinta derrota nos últimos seis jogos disputados.

O jogo

Larry Taylor, Renato Scholz, Gustavo Basílio, Lucas Mariano e Enzo Ruiz formaram o quinteto titular do Dragão, recebido pelo bom público bauruense no ginásio. Por outro lado Corderro Bennett, Marcus Toledo, Isaac, Kenny Dawkins e Renato Carbonari foram os cinco iniciais que entraram em quadra pelo esquadrão pinheirense.

Jogando com o uniforme verde, o Bauru começou com a posse de bola nas mãos do armador Larry Taylor, porém foram das mãos de Renato Carbonari que saíram os três primeiros pontos do jogo. Larry em seguida também converteu de três e Basílio fez mais dois deixando 5 a 3 para o Bauru.

O Pinheiros voltou a tomar a frente do marcador e aproveitando as falhas do adversário abriu 16 a 9 no placar. O técnico Demétrius pediu tempo e aproveitou para promover a primeira substituição na partida ao colocar Cauê Verzola no lugar de Renato Scholz.

No recomeço de jogo Bennett fez mais três e aumentou a vantagem dos mandantes para dez pontos (19 a 9). Basílio converteu lance livre e marcou o 11º ponto do time bauruense. Até o final do quarto os visitantes não conseguiram frear o ataque pinheirense e perderam a primeira parcial por 27 a 12.


Fúlvio (Bauru) em marcação a Corderro Bennett (Pinheiros)
Foto: Divulgação LNB

2º quarto: No segundo período Bauru voltou à quadra com Cauê Verzola, Basílio, Ruiz, Fúlvio e Marcão enquanto que o Pinheiros retornou com Bennett, Ruivo, Isaac, Carbonari e Betinho.

Bauru demonstrou boa recuperação e abriu logo 7 a 0 com pontos de Ruiz (5) e Marcão (2). Guidetti pediu tempo para esfriar o bom momento do adversário. No reinício, Lucas Mariano substituiu Marcão (com dores) e o Pinheiros colocou mais cinco de frente: 32 x 19.

O Bauru ensaiou novamente uma breve reação com cestas de Basílio, Lucas Mariano, Ruiz e Cauê Verzola, deixando o placar em 35 x 29 e 17 a 8 no quarto.

As equipes seguiram alternando os marcadores e chegaram ao final do primeiro tempo com 40 a 34 para o time da casa.

3º quarto: Na volta do intervalo Dema recomeçou a partida com Larry Taylor, Scholz, Basílio, Lucas Mariano e Ruiz formando o quinteto; enquanto que Guidetti pôs em quadra Bennett, Isaac, Toledo, Keny Dawkins e Renato Carbonari.

Esta parcial começou simplesmente eletrizante, com Pinheiros e Bauru trocando cestas e deixado o placar em 10 a 10 no período com apenas dois minutos de bola quicando. Neste curto espaço de tempo Bauru chegou a cortar a diferença do placar para apenas dois pontos: 43 a 41.

As equipes intercalavam o controle da partida e o reflexo disso foi a final do quarto terminado em 25 a 25, com destaques para Dawkins e Bennett do Pinheiros (que fizeram oito pontos cada) e Lucas Mariano que anotou 13 dos 16 pontos tentados para o time de Bauru; como maiores pontuadores.


bandeja de Dawkins (Pinheiros)
Foto: Divulgação LNB

4º quarto: Na etapa final, a expectativa de que o Bauru tivesse a mesma postura que teve no início da segunda parcial caiu por terra quando os erros simples voltaram a ser repetidos e o Pinheiros aproveitou a oportunidade para abrir tranquilos 12 a 1 de vantagem com metade do período jogado.

Sem forças de reação, o Bauru jogou apenas para tirar o máximo de diferença de pontos possíveis visando um provável critério de desempate no futuro do campeonato. Final da parcial em 27 a 22 para o Pinheiros e 92 a 81 em favor dos donos da casa.


dados: LNB


Desfalques

Bauru não pode contar ainda com a presença do ala capitão Alex Garcia que está em fase final de recuperação de lesão e também do ala Gabriel Jaú, que também lesionado tem previsão de retorno para pelo menos fevereiro de 2019.

Além deles, o Dragão não contou com a participação de Jefferson William que está suspenso por cinco jogos pelo STJD na Liga Nacional em decorrência de punição sofrida na última temporada quando defendia a equipe do Franca num entrevero com atletas oponentes da equipe do Botafogo-RJ. 

O ala/pivô já cumpriu quatro jogos de suspensão (os três dos play-offs da temporada passada contra o Bauru mais este da estreia no sábado) e cumprirá o último no próximo confronto dos bauruenses no NBB, contra o Vasco no Panela de Pressão.


Números do jogo

Lucas Mariano com 28 pontos foi o cestinha da partida; seguido por Kenny Dawkins e Corderro Bennett, ambos do Pinheiros, com 20 e 18 pontos respectivamente.


Renato Carbonari foi o maior reboteiro com 8 rebotes enquanto que Larry Taylor teve o maior número de assistências: 7 (além de 12 pontos).


Outros destaques do Bauru foram Enzo Ruiz que anotou 16 pontos, 7 rebotes e 4 assistências; e Gustavo Basílio que fez 12 pontos, pegou 5 rebotes e deu 3 assistências.



fonte: LNB



Próximos jogos

Depois da estreia com sabor amargo da derrota, o Bauru Basket voltará à quadra pelo NBB somente no dia 23 de outubro (terça-feira) para receber os cariocas do Vasco da Gama no ginásio Panela de Pressão às 19:00 com transmissão ao vivo dos canais ESPN.


Antes porém o time viajará até Cali, na Colômbia, para jogar pela primeira fase da Liga Sul-Americana (torneio cujo qual a equipe foi campeã no ano de 2014).


A chave bauruense é a de letra "C" que tem como integrantes ainda os times do Minas Tênis Clube - MG, Quimsa (ARG) e os colombianos donos da casa Fast Break del Valle.


A estreia bauruense será na próxima terça-feira (16/10) contra os argentinos do Quimsa às 20:30*. No dia seguinte o Bauru jogará diante dos conterrâneos do Minas no mesmo horário e fecha sua participação nesta etapa na quinta-feira (18/10) às 22:45* contra o Fast Break del Valle.





** horários de Brasília



NBB

Com a promessa de ser a melhor temporada de todas, o Novo Basquete Brasil, campeonato que é brilhantemente organizado pela Liga Nacional de Basquete, teve início neste sábado com a realização de quatro partidas. Além de Pinheiros 92 x 81 Bauru, tivemos os seguintes jogos:



Ginásio Antonio Prado Junior - São Paulo/SP
13:55 - Paulistano 75 x 85 Mogi das Cruzes - (Band / ESPN)

Ginásio Nilson Nelson - Brasília/DF
15:25 - Universo Brasília 76 x 77 Vasco da Gama - (Band)

Centro de Formação Olímpica - Fortaleza/CE
18:30 - Basquete Cearense 54 x 73 Flamengo - (Facebook)

Com a participação de 14 times (um a menos que a competição passada), a 11ª temporada do NBB tem de novidade as equipes do Corinthians e São José (como respectivamente campeão e vice da Liga Ouro 2018), além da volta do Brasília que conta com a franquia do Universo, que deixou Salvador onde teve como parceiro o Vitória.


Por outro lado deixaram a competição os times do Caxias do Sul (por falta de apoio), Campo Mourão - PR e Liga Sorocabana (rebaixados à Liga Ouro 2019).



Arthur Pecos (Mogi) e Yago (Paulistano) em duelo de abertura do NBB 2018/2019
Foto: Divulgação LNB

Outra novidade que terá nesta atual temporada do NBB será a estreia de uma Copa, também organizada pela LNB, e que dará ao campeão uma vaga em competição internacional (provavelmente a Liga das Américas na temporada de 2019/2020).


Este torneio que está em fase final de aprimoramento será disputado pelos oito primeiros colocados ao final do primeiro turno da competição, e no formato de "mata", ou seja, jogo eliminatório. O período inclusive poderá ser entre os dias 25 e 31 de dezembro.


Contudo há ainda mais um outro importantíssimo detalhe a respeito da atual temporada do NBB: mais de 80% dos jogos serão transmitidos ao vivo para os acompanhantes da modalidade através das emissoras Band (canal de TV aberto), Band Sports, FOX Sports e ESPN (canais de TV fechados), e Facebook e Twitter (via streaming).


Todos os dias, de segunda a sábado, algum jogo será transmitido de acordo com a escala abaixo divulgada pela LNB:





Confira abaixo os próximos jogos da primeira semana do maior campeonato de basquete do país:


15/10 - segunda-feira

Ginásio Nilson Nelson - Brasília/DF
20:00 - Universo Brasília x Flamengo - (Facebook)

Ginásio Oscar Zelaya - Rio de Janeiro/RJ
20:00 - Botafogo x Joinville-SC

Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim - São Paulo/SP
20:00 - Pinheiros x São José


16/10 - terça-feira

Ginásio Wlamir Marques - São Paulo/SP
20:00 - Corinthians x Franca - (ESPN)


17/10 - quarta-feira

Ginásio Lineu de Moura - São José dos Campos/SP
20:00 - São José x Basquete Cearense

Arena Carioca 1 - Rio de Janeiro/RJ
20:30 - Flamengo x Joinville - (Twitter)


18/10 - quinta-feira

Ginásio Profº Hugo Ramos - Mogi das Cruzes/SP
20:45 - Mogi x Pinheiros - (Band Sports)


19/10 - sexta-feira

Ginásio de São Januário - Rio de Janeiro/SP
19:00 - Vasco da Gama x Joinville-SC - (Facebook)

Ginásio Wlamir Marques - São Paulo/SP
21:10 - Corinthians x Paulistano - (FOX Sports)


20/10 - sábado

Ginásio Pedrocão - Franca/SP
14:00 - Franca x Botafogo - (Band)

Ginásio Profº Hugo Ramos - Mogi das Cruzes/SP
19:00 - Mogi x Basquete Cearense - (Facebook)



** Nota: Corrigimos as informações a respeito da punição sofrida por Jefferson William imposta pelo STJD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário