PESQUISE

Em grande jogo no Rio, Vôlei Bauru perde no tie-break para o SESC

Sesi Vôlei Bauru

Ataque da oposta Valentina Diouf
Foto: Erbs Jr

O Sesi Vôlei Bauru foi superado por 3 a 2 (25/23, 22/25, 21/25, 25/16 e 21/19) pelo Sesc RJ nesta terça-feira, 27, na Arena Jeunesse, no Rio de Janeiro, pela quarta rodada da Superliga 2018/2019. Com o resultado, a equipe está com quatro pontos após uma vitória e três derrotas.

Agora o Sesi Vôlei Bauru inicia a preparação para enfrentar o Curitiba, em Curitiba, no próximo dia 6 de dezembro, às 19h, em Curitiba (PR). Após enfrentar as curitibanas, o Sesi Vôlei Bauru fará mais quatro jogos pela Superliga 2018/2019 antes do recesso da competição para as festividades de Natal e Ano Novo.

Um deles será fora de casa: em 16/12, às 18h, contra o São Cristóvão Saúde/São Caetano, em São Caetano no Sul. Os demais serão todos em Bauru, no Ginásio Panela de Pressão: em 11/12, às 19h30, contra o Brasília; em 18/12, às 19h30, contra o Pinheiros; e em 21/12, às 19h30, contra o Camboriú.

Após o duelo contra as catarinenses, o Sesi Vôlei Bauru ganhará folga e retornará às atividades no dia 3 de janeiro, iniciando a preparação para o primeiro compromisso de 2019 pela Superliga: o atual campeão Dentil/Praia Clube, em 8/1, às 19h30, no Ginásio Panela de Pressão, em Bauru.


O jogo

Vanessa Janke
Foto: Erbs Jr

O Sesi Vôlei Bauru iniciou o jogo contra as cariocas com a seguinte formação: Fabíola, Edinara, Vanessa Janke, Valentina Diouf, Valquiria, Andressa Picussa e Tássia. O primeiro set foi equilibrado e disputado ponto a ponto até o 17/17, quando Peña encaixa boa sequência no saque, complicando a recepção do Sesi Vôlei Bauru, e faz o Sesc RJ abrir três pontos no 20/17, quando Anderson Rodrigues para o jogo. No reinício o Sesc RJ se aproveita dos erros do Sesi Vôlei Bauru, especialmente na recepção, e abre quatro pontos no 23/19, mas com Arlene no saque o Sesi Vôlei Bauru reage, diminui para um ponto no 23/22 e Bernardinho pede tempo. No recomeço o Sesi Vôlei Bauru empata no 23/23 com ace de Arlene, mas o Sesc RJ chega ao set point no 24/23 e fecha em 25/23 com bloqueio sobre Tifanny.

O segundo set começa com o Sesi Vôlei Bauru mais atento, especialmente no bloqueio, e abrindo três pontos de vantagem no 6/3. Mas o Sesc RJ reagiu empatando no 9/9 e passando à frente dois pontos no 11/9. O Sesc RJ sustenta a vantagem até o Sesi Vôlei Bauru empatar no 18/18 e virar para 19/18 em erro de ataque de Kosheleva. No reinício o Sesc RJ novamente passa à frente no 20/19, mas o Sesi Vôlei Bauru aproveita erros do time carioca e fica em vantagem no placar em dois pontos no 22/20 após bloqueio de Vanessa Janke sobre Monique. Desta vez, sem vacilar na reta final, o Sesi Vôlei Bauru fecha a parcial em 25/22.

O terceiro set começa com o Sesi Vôlei Bauru abrindo 3/0 e sustentando a vantagem até o 7/4, quando o Sesc RJ reage e empata no 7/7, obrigando Anderson Rodrigues a pedir tempo. No recomeço o Sesc RJ abre dois pontos no 9/7, mas o Sesi Vôlei Bauru desfaz vantagem de três pontos do time carioca e empata no 14/14. A parcial segue equilibrada até o 20/20, quando o Sesi Vôlei Bauru, em boa passagem no saque de Valentina Diouf, aproveita dois erros do Sesc RJ e chega ao 22/20, quando Bernardinho para o jogo. No reinício o Sesi Vôlei Bauru amplia a vantagem e fecha a parcial em 25/21.

Levantadora Fabíola
Foto: Erbs Jr

Após dois sets com atuações consistentes, no quarto set o Sesi Vôlei Bauru começa mal e permite ao Sesc RJ abrir vantagem de quatro pontos no 5/1, forçando Anderson Rodrigues a pedir tempo. O Sesc RJ sustenta a folga no placar e no 12/7 em favor do time carioca Anderson para o jogo novamente. Mas o Sesi Vôlei Bauru piora o rendimento e o Sesc RJ aproveita e amplia a vantagem, fechando a parcial com tranquilidade por 25/16.

O quinto set começa com o Sesi Vôlei Bauru abrindo 2/0 e, com 6/3 contra, Bernardinho para o jogo. O Sesi Vôlei Bauru chega a abrir cinco pontos de vantagem, mas permite reação ao Sesc RJ, que passa à frente no 12/11 e Anderson Rodrigues para o jogo. A parcial segue disputada ponto a ponto até o 19/19, quando Peña faz 20/19 para o Sesc RJ, que fecha em 21/19 com ataque de Monique.

As maiores pontuadoras do Sesi Vôlei Bauru no duelo foram a oposta Valentina Diouf, com 23, a central Valquiria, com 12, a ponteira Vanessa Janke e a central Andressa Picussa, ambas com 11, e a oposta Tifanny, com 8.


Sócio Sesi Vôlei Bauru

Lançado recentemente, o Sócio Sesi Vôlei Bauru é um programa de fidelidade voltado a oferecer benefícios e vantagens aos torcedores e simpatizantes. Filiando-se através do site https://voleibauru.torcedorstore.com.br, o torcedor tem ingresso garantido para todos os jogos com mando de campo em todos os campeonatos que o clube disputar, além de usufruir de vantagens e benefícios da rede de parceiros. Todos os participantes terão acesso exclusivo às partidas, evitando filas para a compra de ingressos.

Dependendo do tipo de plano escolhido, é possível incluir até três dependentes e o cônjuge no mesmo plano e cada um também receberá seu cartão de acesso, com um custo de R$ 19,90 referente a confecção e envio, além de suas mensalidades com descontos e ainda participará dos benefícios e vantagens da rede de parceiros.

Os planos oferecidos pelo Sócio Sesi Vôlei Bauru são dois: Arquibancadas e Cadeiras. No Arquibancadas, ao custo de R$ 20,00 mensais, o torcedor terá acesso exclusivo nos jogos em casa na seção arquibancada, podendo incluir até três dependentes com até 20% de desconto e desfrutar de benefícios em toda a rede de parceiros.

No Cadeiras, ao custo de R$ 45,00 mensais, o torcedor terá acesso exclusivo nos jogos em casa na seção cadeira, podendo incluir até três dependentes com até 20% de desconto e desfrutar de benefícios em toda a rede de parceiros.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.