Parceiro

Franca vence a terceira, quebra tabu e vai às semifinais do NBB

Globoesporte.com

Franca venceu o Bauru nas quartas de final do NBB — Foto: Igor do Vale

O Franca se classificou às semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB) 11 ao vencer na noite desta quarta-feira a terceira partida consecutiva na série melhor de cinco contra o Bauru. Com o placar de 90 a 68, a equipe de Helinho não só encerrou a sequência com 3 a 0 como também acabou com o tabu de nunca ter vencido os rivais em playoffs.

Diante de 3,9 mil torcedores no ginásio Pedrocão, Lucas Dias foi o cestinha da partida com 22 pontos e o melhor nos rebotes, com sete lances. Alexey foi o melhor nas assistências, com sete jogadas. Pelo Bauru, destaque para Fúlvio, responsável por marcar 16 pontos pelos visitantes.

O Franca agora se prepara para iniciar uma nova série contra o Mogi, que eliminou o Basquete Cearense também por 3 a 0 nos playoffs. A previsão é de que o primeiro confronto seja no ginásio Hugo Ramos.

O Flamengo, que bateu o Corinthians, também está garantido na próxima fase e espera o vencedor dos confrontos entre Botafogo e Pinheiros - o time paulista está com 2 a 1 na série. A próxima partida é neste sábado, às 14h, no Rio de Janeiro.

Cipolini e Lucas Mariano em partida entre Franca e Bauru pelas quartas de final do NBB —
Foto: Igor do Vale


O jogo

Como já se esperava, o primeiro período do jogo repetiu o equilíbrio da partida anterior, mas começou morno e marcado por erros. Aos poucos, as mãos foram ficando mais calibradas: Franca foi mais assertivo nas cestas de três – com 60% de aproveitamento -, graças a jogadas de Jimmy, David Jackson, Lucas Dias e Cipolini, mas quase não se fez presente dentro do garrafão.

Bauru, por sua vez, foi mais versátil. Tanto com bons acertos da zona morta quanto no garrafão – com 57% de aproveitamento -, conseguiu se manter a maior parte do tempo à frente do adversário e fechou o primeiro quarto vencendo por 23 a 22.

No segundo período, o time de Helinho continuou a explorar seu ponto forte nas cestas de três, com Didi, mas fizeram diferença as assistências e uma melhora dentro do garrafão, com lances certeiros de Hettsheimeir e Lucas Dias, uma delas garantida após roubada e assistência de Andre Goes.

Lucas Dias e Lucas Mariano durante confronto entre Franca e Bauru nas quartas de final do NBB —
Foto: Igor do Vale

Fúlvio e Lucas Mariano ajudavam o Bauru a encostar, mas Demétrius pediu tempo duas vezes diante da evolução do time da casa, que segurou até o fim do período uma vantagem de seis pontos, com 42 a 36. Os poucos erros de passes, 3 do Franca, 4 do Bauru, colocavam em evidência a aplicação das duas equipes.

Franca voltou do intervalo de olho em melhorar a defesa para ampliar o volume de jogo, enquanto o grupo comandado por Demétrius seguia convicto de que era preciso manter a marcação e reduzir as cestas de três dos oponentes. A tática dos dragões a princípio deu certo, mas à custa de faltas – foram cinco em menos de três minutos de jogo.

Até então, Franca garantia-se com lances livres convertidos por Lucas Dias, enquanto Fúlvio e Lucas Mariano não deixavam os donos da casa à vontade. Porém, a quatro minutos do fim do terceiro período, o jogo ficou mais aberto e Franca voltou a marcar de três, ampliando a vantagem para oito pontos, com o placar de 65 a 57.

Bauru explorou bolas dentro do garrafão durante boa parte do confronto —
Foto: Igor do Vale

No início da etapa final, Alexey, Jackson e companhia decidiram impor mais ritmo ao jogo e conseguiram abrir 15 pontos de diferença. Bauru seguia com a marcação forte, mas os donos da casa abriam espaços no garrafão e, melhores nos rebotes ofensivos, se garantiam no placar.

Quando não conseguiam vencer a barreira adversária, contavam com a pontaria de atletas como Didi e David Jackson, acertando da zona morta. Com o relógio desfavorável, Bauru sentiu a pressão da torcida e passou a errar mais nos arremessos, enquanto os francanos pareciam à vontade com as condições do jogo e com os gritos de apoio dos 3,9 mil torcedores.

Escalações:

Franca: Elinho, Lucas Dias Cipolini, Jimmy e David Jackson. Suplentes: Alexey, Didi, Jean, Hettsheimeir, Guilherme e André Goes. Técnico: Hélio Rubens Garcia Filho.

Bauru: Larry, Alex, Jefferson, Lucas Mariano e Ruiz. Suplentes: Cauê, Gustavo, Fúlvio e Marcão. Técnico: Demétrius Conrado Ferracciú.

Veja como foi a série entre Franca e Bauru

JOGO 1: Bauru 82 x 94 Franca – ginásio Panela de Pressão, em Bauru
JOGO 2: Franca 83 x 77 Bauru – ginásio Pedrocão, em Franca
JOGO 3: Franca 90 x 68 Bauru – ginásio Pedrocão, em Franca

Franca venceu o Bauru nas quartas de final do NBB — Foto: Igor do Vale

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.