Parceiro

Com prefeito e Comissão de Esporte da Câmara Noroeste debate proposta sobre ginásio

EC Noroeste
Imagem aérea do Complexo Damião Garcia
Foto: Divulgação

Clube propõe venda de todo o complexo por R$ 5 milhões (com direito do clube usar definitivamente) e prefeitura pede prazo de 20 dias para analisar


O presidente do Esporte Clube Noroeste Estevan Pegoraro, juntamente com o prefeito de Bauru Clodoaldo Gazzetta (PSD), se reuniram na tarde desta quinta-feira (30) para tratar sobre o ginásio Panela de Pressão, o complexo Damião Garcia e o Estádio Alfredo de Castilho. 

Participaram também da reunião no Palácio das Cerejeiras, sede do Poder Executivo, uma Comissão de Esporte da Câmara, formada pelo secretário da Semel Alexandre Zwicker, os vereadores Manoel Losila, Roger Barude e Fábio Manfrinato, além de dois assessores do deputado federal Rodrigo Agostinho (PSB), o presidente e vice-presidente do Sesi/Vôlei Bauru, Reinaldo Mandaliti e Adriano Pucinelli.

Pegoraro propôs a Gazzetta e a comissão da Câmara a aquisição de todo o complexo esportivo, com ginásio, CT, estádio e estacionamentos pelo valor de R$ 5 milhões, com direito garantido do clube usá-lo definitivamente. 

Desta forma, segundo a proposta, o dinheiro seria utilizado para pagar dívidas das esferas municipais e trabalhistas, deixando o Noroeste com o nome limpo e com condições de voltar a trabalhar objetivando a elite do futebol e sua sustentação nos departamentos de futebol profissional e base. 

Em contrapartida, o estádio e CT seguiria sendo utilizado pelo clube, assim como finais do futebol amador, e o ginásio seguiria sendo utilizado nas partidas de vôlei, de basquete e outras atividades esportivas promovidas pelo município. Desta forma, também, além de continuar utilizando o espaço normalmente, ficaria isento do IPTU e o Noroeste, com o passar dos anos, não somaria mais dívidas milionárias com o imposto. A prefeitura pediu 20 dias para analisar a proposta.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.