Parceiro

Turini e Vitória fazem jogo truncado e ficam no empate

Por Juliano Gomes
Duelo truncado e de poucas chances de gols para ambos lados
Foto: Juliano Gomes / Tá na rede Bauru


Partida aconteceu na manhã desse domingo no estádio Silvio de Magalhães Padilha válida pela décima rodada da primeira fase da primeira divisão da Liga Bauruense.

Sob olhares atentos do atual presidente da Liga Bauruense de Futebol Amador Benedito Ramos que acompanhou as duas partidas no local, Turini e Vitória fizeram partida de fundo acirrada no distrital do Padilhão, conduzida pelo árbitro Ricardo Fabris Fontes.

Com bom volume de jogo no início do embate, ambas equipes buscavam o gol a todo instante e logo foi criada a primeira oportunidade de cada lado, embora sem muito perigo, não dando trabalhos aos arqueiros.

O primeiro lance a chamar a tenção no duelo, foi o choque entre o zagueiro Leonardo, do Vitória, com o atacante Pelé, do Turini em que levou o jogador alvirrubro a ficar inconsciente por alguns minutos depois da trombada de ambos em lance que o atacante levava vantagem sobre dois marcadores durante jogada individual próximo da linha de fundo. Embora o susto, o jogador saiu de campo após retomada da consciência, passando a acompanhar a partida do banco de reservas e sendo substituído pelo meia Fifty. 

Atacante Pelego (centro) foi responsável pelo único lance de perigo no 1º tempo
Foto: Juliano Gomes / Tá na rede Bauru

A única chance real de gol na primeira etapa foi da equipe do Turini em cobrança de falta do atacante Pelego aos 32 minutos em que a bola estava com destino certo e apareceu a estrela do goleiro Helder, fazendo defesa dificílima, espalmando para escanteio. Embora tenha feito uma defesa com grau de dificuldade elevado, o goleiro Helder passou tranquilidade à equipe sempre que acionado.

Já no segundo tempo, as chances apareceram na reta final do confronto, onde as equipes conseguiram criar um pouco mais.

Aos 32 minutos, o Vitória ficou perto de abrir o marcador com o camisa 11 Julio, que disparou chute rasteiro de fora da área e a bola acertou a trave direita se perdendo pela linha lateral. No ataque seguinte, aos 34, o meia Zé arriscou chute de longa distância, obrigando  goleiro Rafa do Turini a fazer defesa dificílima, jogando a bola pra escanteio.

Em resposta, o Turini que levava pressão do oponente, ameaçou a meta de Helder com chute perigoso do meia Edinho, que passou rente ao ângulo direito do goleiro que só observou a bola sair pela linha de fundo.

Após o apito final e o empate consolidado, torcedores de ambas equipes trocaram agressões na arquibancada e aos poucos o tumulto foi controlado por demais integrantes das torcidas.

O empate manteve o Vitória na liderança, porém sem os 100% de aproveitamento da equipe e o Turini segue na vice liderança com 25 ponto somados.


Nicéia triunfa na preliminar

Com placar de 2 a 1, a equipe do Nicéia venceu a equipe do Ouro verde na preliminar do Padilhão, chegando a sexta vitória no campeonato e alcançando 19 pontos. O Ouro Verde permaneceu com 11 pontos.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.