Parceiro

Noroeste desperdiça chance de alcançar G4 e depende de milagre

Matheus Blade (vermelho) disputa jogada pelo alto com atacante Rioclarense
Foto: Bruno Freitas / ECN


Diante de apenas 307 torcedores, o Noroeste perdeu o seu jogo mais importante na Copa Paulista 2019, na manhã deste domingo, diante do Rio Claro, por 1 a 0, no Estádio Alfredo de Castilho, em Bauru. O gol foi marcado aos 30 do segundo tempo, pelo camisa 8 Franco, numa desatenção defensiva na área do Norusca. A sexta derrota em nove jogos foi muito lamentada pelos jogadores e comissão técnica.

O Norusca começou melhor na partida e durante os primeiros 25 minutos pressionou o Rio Claro, que estava acuado, e deixou de abrir o placar após arremates de Igor Pimenta, Pedro Felipe e Diego Souza. A partir da segunda metade do primeiro tempo, o time se desconcentrou e começou a errar passes. O Galo Azul cresceu, ganhou confiança e quase abriu o placar, mas tanto o goleiro Tales e depois o lateral-esquerdo Renan evitaram o gol dos visitantes. 

Na volta do intervalo, o técnico noroestino Gilmar Minelli pôs a equipe com postura ainda mais ofensiva. Ele substituiu, na lateral-esquerda, Renan por Denilton e no ataque Everton entrou no lugar de Chico Clavero. Depois tirou o lateral-direito Arthur para entrar o meia Paulinho. O Noroeste voltou a criar várias chances de gol, mas as desperdiçou. Denilton bateu uma falta com chute violento, parando na boa defesa do goleiro Tiago Passos. Depois, Pedro Felipe perdeu maia um gol na frente da meta adversária. A bola passou por cima.

Yamada é o artilheiro do Norusca na Copa Paulista
Foto: Bruno Freitas / ECN

E em um contra-ataque do Rio Claro, Franco bateu forte de dentro da área, estufou a rede e comemorou a classificação do Galo Azul, que foi para a vice-liderança, com 15 pontos.
Já o Norusca segue na lanterna do grupo 2, com 7 pontos, e precisa de praticamente um milagre para se classificar. Além de vencer o líder XV de Piracicaba, sábado que vem, às 15h, na última rodada. Os bauruenses precisam contar com um empate do 5.º colocado Atibaia (enfrenta o Rio Claro) e uma derrota do Velo Clube para a Inter de Limeira, que ocupa a quarta posição. Neste confronto o Alvirrubro não terá John Egito, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

"Nossa equipe vinha jogando bem, criando situações de gol, mas pecamos na finalização. São atletas jovens, que precisam de rodagem ainda, para que quando acontecer esses tipos de lances, de partidas, eles possam ter maturidade suficiente para fazer os gols. Hoje nós pressionamos o adversário, tentamos neutralizar o contra-ataque, mas quando você propõe e abre o jogo, naturalmente se dá espaço para o adversário. Num lance, eles conseguiram fazer o gol. Futebol é assim. Quando você não faz o gol, você perde (o jogo)", disse o treinador Gilmar Minelli. Em entrevista coletiva após o jogo, ele adminitiu que será difícil se classificar, mas que a equipe entrará para fazer um bom jogo, buscar a vitória e ficar de olho nos concorrentes da última vaga do G4.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.