Parceiro

Duelo brasileiro e vitória bauruense no Interligas de Basquete

Destaque para Jay Massey na vitória bauruense sobre o Basquete Cearense
Foto: Victor Lira / Bauru Basket


A sexta-feira (06/09) do Interligas 2019 foi para lá de movimentada. O destaque ficou por conta do duelo brasileiro entre Sendi/Bauru Basket e Basquete Cearense, que terminou com vitória do Dragão, no Ginásio Panela de Pressão, por 80 a 66.

A equipe bauruense teve quatro atletas pontuando em dígitos duplos: o ala canadense Nick Wiggins (12 pontos), o armador Larry Taylor (11 pontos), o ala/pivô norte-americano Jay Massey (11 pontos) e o armador argentino Lucas Faggiano (10 pontos).

“Estamos evoluindo dia após dia. Temos cinco vitórias consecutivas. Nossos corpos estão um pouco fadigados, amanhã será nosso terceiro jogo em três dias. Precisamos seguir jogando forte e marcando bem, isso vai garantir nossas vitórias. Todos aqui estão cansados, então vamos tentar fazer nossa melhor defesa para sairmos vencedores amanhã”, disse Nick Wiggins.

Com o resultado, o Bauru ficou a um passo de garantir vaga na grande final do Interligas 2019 contra o “campeão” da sede Corrientes (ARG). O duelo que decidirá a classificação bauruense será neste sábado (07/09), às 18h15, contra o Boca Juniors, ao vivo no Facebook do NBB CAIXA e no BandSports.

“Esperamos por um time muito físico. Joguei contra eles na temporada passada na Argentina. São muito físicos e bem treinados. Com certeza será um grande jogo e não vamos a hora de entrar em quadra de novo”, completou Wiggins, que citou sua experiência pelo Argentino de Junin (ARG) na temporada passada.

Pelo lado do Basquete Cearense, os destaques ficaram por conta do ala norte-americano Brandon Davis e do pivô Marcão, ambos com 17 pontos, e do pivô Mathias e do ala Rashaun, que anotaram 11 pontos cada.

A equipe nordestina não tem mais chances de classificação e finalizará sua participação no Torneio Interligas 2019 também neste sábado (07/09), contra o La Unión de Formosa (ARG), às 16 horas, com transmissão ao vivo no Facebook do NBB CAIXA e no BandSports.

“Temos apenas duas semanas de treinamentos. Foram apenas 10 treinos de quadra e o resto só treino físico. O time ainda está pesado, amarrado, se conhecendo. Aí quando pegamos um time como Bauru, que já vem de uma pré-temporada, está jogando o Paulista e vem de cinco jogos na semana, sentimos um pouco a questão do entrosamento. Nosso time tem uma grande qualidade ofensiva muito grande, agora precisamos melhorar nossa defesa”, declarou Marcão.

“É a primeira competição internacional do Basquete Cearense na história, então está sendo muito positivo para todos nós. Pegar times qualificados como o Boca, La Unión e Bauru e jogar de igual para igual prova a qualidade do nosso time, que mesmo com pouco tempo de treino está mostrando que ainda vai dar trabalho para muito time no NBB”, concluiu Marcão, que atuou no Bauru na temporada passada.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.