Parceiro

Fim da temporada na Copa Big Boys

Sub-13 ficou com o bicampeonato após bater o Foguinho no tempo normal
Foto: Rogério Anastácio / Craques do Futuro 

Duas partidas realizadas na manhã deste sábado encerraram a temporada da competição que movimenta as escolinhas de Bauru e Região desde o primeiro semestre, definindo os dois últimos campeões em partidas realizadas no castigado gramado do Estádio Silvio de Magalhães Padilha.

Abrindo as decisões do sábado, Foguinho Sports e Craques do Futuro duelaram para decisão do campeão e como o resultado estava em aberto devido ao empate sem gols entre ambos no primeiro duelo da decisão, o confronto decisivo não faltou emoção.

No primeiro tempo de jogo, o time do Foguinho foi quem deu as coordenadas, tomando mais iniciativa no ataque buscando abrir o marcador para largar em vantagem, mas do outro lado, o Craques que assim como o oponente estão acostumados com decisões, neutralizava o perigo.

A batalha foi leal e aberta, duas equipes qualificadas brigavam pelo lugar mais alto do pódio e o equilíbrio do marcador prevaleceu até o término do primeiro período, tendo em vista que a segunda etapa foi decisiva.

O retorno do intervalo, debaixo de fortíssimo calor, não impediu a vontade dos garotos em erguer a taça de campeão e o detalhe foi determinante para o objetivo alcançado pelo Craques do Futuro que abriu o marcador com Matheus Biem e depois, Rhyan Joel fechou o placar, garantindo o bicampeonato da categoria.

Com três gols tomados durante as nove partidas da competição, Guilherme Salles do Craques do Futuro foi o goleiro menos vazado. Arthur Scola Machado, do Foguinho Sports foi o artilheiro da competição somando nove gols.

Final Regional

Na segunda partida da manhã, um duelo regional entre Pederneiras e Lençóis Paulista definiu o campeão da categoria sub-17.

Após vencer por um a zero no primeiro confronto, a equipe de Lençóis Paulista soltou o grito de campeão depois de ficar no empate em um gol com os pederneirenses no tempo normal de jogo, assegurando o título da categoria.

Como goleiro menos vazado, Matheus Henrique (Lençóis Paulista) e Breno dos Santos (Pederneiras) somaram sete gols em dez partidas e dividiram a conquista. O artilheiro da competição foi João Victor Cunha de Lençóis Paulista que anotou seis gols durante toda a competição.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.